- DestaquesVARIEDADES

Santa Casa de Caridade completa 112 anos

Em uma breve história, homenageamos a todos os que neste mais de um século levaram a saúde ao povo pedritense

A Santa Casa de Caridade de Dom Pedrito completa hoje (15), 112 anos de fundação. A data foi confirmada através do Boletim do Museu Paulo Firpo, edição especial do centenário da Santa Casa e aponta o dia 15 de agosto de 1909 como sendo a data de fundação da instituição, na época, na Rua Major Alencastro da Fontoura, no prédio que hoje abriga o Centro Juvenil Anibal Bastos.

A história da Santa Casa de Caridade de Dom Pedrito é muito bonita e aqui faremos uma síntese de sua criação.

Digno de nota é a criação em 30 de julho de 1908, do “Club das Violetas”, também chamada de “Sociedade das Violetas”, entidade formada por senhoritas da sociedade pedritense, com o objetivo de fazer a caridade.

 

Em 1908, Maria Francisca Macedo da Fontoura, viúva do Major Alencastro Carneiro da Fontoura, fundador da Loja Maçônica Cruzeiro do Sul III, atendendo a pedido do falecido marido, doa um terreno à essa Loja para que ali fosse construído o primeiro prédio da Santa Casa. No mesmo quarteirão foi construída uma escola de educação infantil que leva o nome da benemérita, o Lar de Idosos, cujo nome faz referência ao fundador da loja maçônica e a Escola Alda Seabra.

A Maçonaria criou em 16 de novembro de 1908 a revista “A Caridade”, com renda a ser revertida para o futuro hospital. No ano seguinte, em 15 de agosto de 1909, portanto, é finalmente, fundada a Santa Casa de Caridade de Dom Pedrito.

A nova Santa Casa vem apenas em 1949, ano em que as obras do prédio atual tiveram início. Na época o prefeito era Dr. José Tude de Godoy e o provedor Juventino Corrêa de Moura. A pedra fundamental foi lançada em 18 de janeiro de 1949 e teve a presença do governador do RS Dr. Walter Jobim. Dois expoentes da arquitetura deveriam comandar as obras – os italianos Egídio Guanzatti e Anselmo Valli.

Dois incêndios no prédio antigo (1946 e 1955) fizeram a comunidade retomar as campanhas pró-construção da nova Santa Casa e a prefeitura criou a taxa de caridade em 1958. Em 25 de dezembro de 1959 é inaugurada a primeira ala.

Hoje a instituição conta com 300 funcionários e 126 leitos. Uma ala pediátrica, obstétrica, um bloco cirúrgico, unidade de tratamento intensivo e mais uma série de setores que tornam possível o funcionamento da instituição 24h por dia, 365 por ano.

Nesses tempos de pandemia, ficou ainda mais claro a importância do nosso hospital, pelo papel que cada servidor desempenha, seja ele da higienização, cozinha, administrativo, de saúde e tantos outros que anonimamente contribuem para que os pacientes tenham o melhor atendimento.

Feliz aniversário Santa Casa de Caridade de Dom Pedrito.

Uma homenagem da Qwerty Portal de Notícias.

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios