NOTÍCIAS

Tribunal de Justiça do RS sofre ataque cibernético e prazos processuais são suspensos

De acordo com a instituição, estão sendo adotadas "todas as medidas possíveis" para identificar os autores do ataque e restabelecer os sistemas de informática

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJRS) informou, no final da noite desta quarta-feira (28), que sofreu um ataque cibernético que tornou indisponíveis os sistemas de informática do tribunal. 

“O Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJRS) foi alvo, no dia de hoje, de ataque cibernético e, em razão disso, os sistemas de informática estão indisponíveis. Estão sendo adotadas todas as medidas possíveis para o breve restabelecimento da normalidade, bem como para a identificação das causas e dos autores do ato criminoso. Para isso, equipes técnicas e o Núcleo de Inteligência do TJRS estão trabalhando,  bem como está sendo solicitado apoio especializado do Conselho Nacional de Justiça na área”, afirmou o Tribunal.

Pela manhã, servidores já haviam relatado dificuldades para exercer as atividades usando o portal do judiciário, levando a assessoria do TJRS a confirmar o problema. Os  os sistemas eProc, eThemis, SEEU e SEI não foram afetados, de acordo com o Tribunal.

Na ocasião, a equipe de segurança de sistemas orientou, inclusive, aos usuários internos a não acessarem os computadores de forma remota, nem se logar nos equipamentos dentro da rede do tribunal.

Na noite desta quarta, o TJ publicou uma resolução suspendendo prazos processuais e administrativos em razão da instabilidade no sistema. Assim, fica suspensa, até nova determinação quanto ao restabelecimento do sistema, a fluência de prazos processuais nos processos físicos e eletrônicos, tanto na área judicial como administrativa. Ficou mantido o trabalho em expediente interno, inclusive o presencial, nas atividades que não dependam de acesso ao sistema eletrônico.

Fonte: GaúchaZH

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios