NOTÍCIAS

Morre Tarso Teixeira, superintendente do Incra no RS

Textos, fotos e vídeos do Portal Qwerty estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, sendo vedada a reprodução em qualquer meio de comunicação sem autorização prévia.

Tarso Teixeira, um dos nomes mais representativos do agronegócio do Rio Grande do Sul, morreu na madrugada desta segunda-feira (4), aos 69 anos. Ele estava internado no Hospital de Clínicas de Porto Alegre desde o início de dezembro em decorrência da COVID-19.

Teixeira era superintendente do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) no Rio Grande do Sul e diretor vice-presidente da Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul (Farsul). Tinha destaque na defesa do direito à propriedade.

O início da trajetória foi na cidade onde nasceu, São Sepé, na região central do Estado. Foi onde foi atuou como presidente do Sindicato Rural durante duas décadas.

Depois, por 16 anos, esteve à frente do Sindicato Rural de São Gabriel. Na sequência, comandou diversas entidades que o tornaram um dos líderes rurais mais influentes no Estado.

Médico veterinário de formação e técnico aposentado da Secretaria de Agricultura do RS, foi também autor dos livros Visão da Terra (2004), Utopias do Atraso (2009) e Combatendo o Bom Combate (2019).

Tarso Teixeira deixa a esposa, Rosane, três filhos (Fernanda, Flávia e Pedro) e dois netos. O sepultamento ocorre à tarde, em São Gabriel, mas ainda não há confirmação de horário.

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios