NOTÍCIAS

Quem tomar vacina emergencial precisará assinar termo de consentimento

Textos, fotos e vídeos do Portal Qwerty estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, sendo vedada a reprodução em qualquer meio de comunicação sem autorização prévia.

O ministro da Saúde, gen. Eduardo Pazuello, disse hoje que quem tomar uma vacina contra a covid-19 que eventualmente tenha apenas autorização de uso emergencial precisará assinar um termo de consentimento.

Ele lembrou que não há nenhuma vacina com registro definitivo no mundo, no caso do Reino Unido e dos Estados Unidos, por exemplo, a Pfizer/Biontech obteve uma autorização emergencial dos órgãos reguladores.

Não ficou claro, no entanto, como esses grupos mencionados por ele deverão se voluntariar ou se qualquer pessoa das faixas prioritárias poderá aparecer nos postos de vacinação.

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios