- DestaquesNOTÍCIAS

Pulverização contra o mosquito da dengue termina amanhã

Desde a semana passada,81 quarteirões receberam o produto

Profissionais da Secretaria de Saúde de Dom Pedrito, da 7ª Coordenadira Regional de Saúde e do Centro Estadual de Vigilância em Saúde, estão trabalhando desde a semana passada em 81 quarteirões distribuídos em seis bairros da cidade, áreas em que tiveram pessoas contaminadas pela dengue e zika vírus.

Amanhã, finaliza o trabalho de pulverização que está ocorrendo desde o início da semana.

De acordo com a bióloga Barési Delabary, da Vigilância Ambiental da 7ª CRS, a aplicação do inseticida de maneira isolada não é suficiente para exterminar com os focos existentes, “é necessário que cada morador cuide da sua residência, área interna e externa. A cada chuva o trabalho deve ser redobrado”.

É nesta época que o mosquito da dengue, o Aedes aegypti, que também transmite o zika vírus e a chikumgunya, se prolifera com mais facilidade. Ele aproveita o calor e recipientes com água parada para transformar em verdadeiros berçários.

O mosquito deposita seus ovos em recipientes como latas e garrafas vazias, pneus, calhas, caixas d’água descobertas, pratos em vasos de plantas ou qualquer outro objeto que possa armazenar água. O mosquito pode procurar ainda criadouros naturais, como bromélias, bambus e buracos em árvores.

DICAS IMPORTANTES:

1. Não deixe acúmulo de água: A água da chuva pode se acumular em garrafas, pneus, ou qualquer outro reservatório. Após qualquer chuva, verifique se não ficou água acumulada em algum local.

2. Ponha areia nos vasos das plantas: Em vez de usar água para as plantas, use areia ou pó de café nos pires dos vasos e, então, só depois coloque água.

4. Cuidado com a caixa d’água: A caixa d’água é um excelente reservatório para os ovos da dengue. Mantenha-a sempre bem fechada e a limpe frequentemente. Isso também vale para poços, cisternas e caçambas que se acumulam água.

5. Remova folhas e galhos das calhas. Esses objetos, assim como outros (flores, pedaços de garrafa, etc) impedem que água escoe e então, se acumula. Verifique semanalmente o estado de calhas, canos e ralos.

Fonte: Departamento de Comunicação da Prefeitura.

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios