NOTÍCIAS

MEC desiste do retorno às aulas presenciais

Uma reviravolta relâmpago marcou a educação brasileira nesta quarta-feira (2). Pela manhã manhã, o Ministério da Educação (MEC) divulgou a Portaria 1.030/20, que confirmava o retorno das atividades presenciais nas instituições de ensino superior para o dia 4 de janeiro de 2021. A medida ainda discorria a respeito de práticas laboratoriais e profissionais de estágios.

Após uma série de críticas e posicionamentos contrários por parte das instituições, o governo voltou atrás no começo da tarde e afirmou que abrirá uma consulta pública no meio acadêmico antes de tomar nova decisão.

A medida gerou revolta nas instituições de ensino. Diversas entidades educacionais do país lançaram nota com posicionamentos contrários à decisão do executivo federal, pressionado o Ministério decidiu pela revogação da portaria. A União Nacional dos Estudantes (Une) classificou como absurda a escolha da retomada presencial, afirmando que a ação vai na contramão dos esforços que as instituições tiveram para conter contágios e reformular o calendário acadêmico.

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios