NOTÍCIAS

Mapa preliminar tem 13 regiões em bandeira vermelha, com alto risco para covid-19

Além da Região Metropolitana, aparecem com esta cor as regiões de Caxias do Sul, Uruguaiana, Erechim, Palmeira das Missões, Porto Alegre, Passo Fundo, Guaíba, Santa Maria e Lajeado

Textos, fotos e vídeos do Portal Qwerty estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, sendo vedada a reprodução em qualquer meio de comunicação sem autorização prévia.

O mapa preliminar do distanciamento controlado do Rio Grande do Sul traz 13 regiões em bandeira vermelha, de risco epidemiológico alto para o contágio por coronavírus, de acordo com o anúncio do governo nesta sexta-feira (20). De acordo com o Executivo, desde a última rodada do mapa, o Estado vem percebendo aumento nas hospitalizações por covid-19 e nas internações em leitos de UTI, o que “justifica o retorno de um grande número de regiões em vermelho”. As outras oito regiões covid foram classificadas em bandeira laranja, de risco médio.

Após a análise de recursos, o governo irá divulgar o mapa definitivo na próxima segunda-feira (23), que valerá entre terça-feira (24) até segunda-feira (30). As regiões covid de Novo Hamburgo, Capão da Canoa, Canoas e Ijuí já haviam sido classificadas como risco alto na rodada vigente e, neste mapa preliminar, seguem em vermelho. Se juntam a elas as regiões de Caxias do Sul, Uruguaiana, Erechim, Palmeira das Missões, Porto Alegre, Passo Fundo, Guaíba, Santa Maria e Lajeado.

As oito regiões covid em bandeira laranja são Santo Ângelo, Santa Rosa, Cruz Alta, Bagé, Taquara, Cachoeira do Sul, Santa Cruz do Sul e Pelotas.

Fonte: Gaúcha ZH.

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios