NOTÍCIASVARIEDADES

O que é e por que acontece a “Lua Azul”, fenômeno do céu neste sábado

A última vez que foi registrado foi em 31 de março de 2018

Textos, fotos e vídeos do Portal Qwerty estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, sendo vedada a reprodução em qualquer meio de comunicação sem autorização prévia.

Folclore na cultura americana, onde é associada ao esoterismo, a “Lua Azul” ocorrerá na noite de sábado (31) e poderá ser observada no mundo inteiro caso o céu esteja limpo. É preciso ponderar, entretanto, que este fenômeno, apesar do nome, não se refere a um luar com coloração ou brilho diferentes do que qualquer outra lua cheia. 

— A Lua Azul ocorre quando temos duas luas cheias em um mesmo mês, já que o comum é uma única ocorrência. É mais uma invenção folclórica do que um movimento astronômico importante — explica a professora de astronomia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) Ana Chies.

A ocorrência se dá a cada dois anos e meio. A última vez que isso aconteceu foi em 31 de março de 2018. Agora, coincidirá com a noite de celebração do Halloween em muitos países e no início do festival do Dia dos Mortos, no México.

Para que haja uma Lua Azul, é preciso que o mês tenha 31 dias e que dê o acaso de contemplar dois ciclos completos da lua. O ciclo lunar, período em que ocorrem todas as fases da Lua, se repete a cada 29,5 dias ou mais. Em outubro, houve uma lua cheia no dia 1º, e neste final de semana haverá a segunda. 

O termo surgiu nos Estados Unidos nos anos 1940, e passou a ser associado a movimentos místicos e misteriosos.  A previsão da Somar Meteorologia é que Porto Alegre terá céu parcialmente nublado na noite de sábado e com chuvas rápidas, o que poderá dificultar a visualização.

Fonte: GaúchaZH

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios