- DestaquesVARIEDADES

Qwerty Internet | Uma família que se constrói com confiança e oportunidades

Seja com anos de casa ou recém-contratados, depoimentos mostram que mesmo sem experiência, a Qwerty internet dá oportunidades para quem quer aprender e assumir responsabilidades

Textos, fotos e vídeos do Portal Qwerty estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, sendo vedada a reprodução em qualquer meio de comunicação sem autorização prévia.

Trabalhar em uma das principais empresas de Dom Pedrito, em meio a um ambiente de crescimento e união pode ser uma realidade. Foi o que aconteceu recentemente com Vainer Cunha da Silva e Jeferson Hernandes Pires que tiveram seus currículos selecionados e após um período de treinamento, foram integrados à equipe de colaboradores.

Olha só o que eles disseram!

Vainer Cunha da Silva

Foi tudo uma surpresa pra mim desde o dia que recebi a ligação falando que o meu currículo teria sido escolhido para uma entrevista de emprego. Sempre foi meu sonho trabalhar na área de TI, independente de qual fosse a área. Daí no dia da entrevista havia mais seis pessoas para ocupar duas vagas na empresa. Logo de cara fiquei muito nervoso porque eram pessoas com histórias totalmente diferentes umas das outras, mas todas demonstrando muita vontade de conseguir a vaga. Até o momento eu só tinha trabalhado como servente de pedreiro, porém sempre estudando a área de TI. Comecei a estudar o técnico em informática em 2018 na Qwerty Escola. Concluí o primeiro módulo, só que eu estava no ano do alistamento militar e tive que interromper o curso por conta do serviço militar. Após o término dessa etapa meu objetivo era retomar o curso, mas infelizmente começou a pandemia que estamos até hoje, então recorri ao EAD e me matriculei na faculdade de Gestão da Tecnologia da Informação e voltei a trabalhar como servente de pedreiro para pagar a faculdade. Começando a primeira semana de testes na empresa, saindo para atendimento na casa dos clientes com um técnico de suporte e um instalador logo comecei com muita gana em aprender como tudo funcionava, perguntava sobre tudo. Logo de cara aprendi que o grupo de técnico é muito unido, estão sempre em contado para solucionar os problemas. A cada dia que passava eu me empolgava mais e mais com a ideia de trabalhar no grupo de técnicos da Qwerty, aprendi muita coisa nas duas semanas de testes e felizmente consegui ser um dos selecionados para continuar trabalhando com a Qwerty. Estou muito feliz em ter sido selecionado e quero me empenhar ao máximo na empresa. Espero poder aprender muito e poder ajudar no crescimento e desenvolvimento da empresa. E continuar sempre com o pensamento de evolução e crescimento para que cada vez possa ajudar mais e mais todos os clientes da Qwerty Internet.

Jeferson Hernandes Pires

Olá, sou Jeferson. Vi o anúncio na internet que estavam precisando de pessoal para trabalhar e então mandei meu currículo. Depois de alguns dias me ligaram e fiquei sabendo que de aproximadamente 100 currículos, o meu foi um dos escolhidos, então fizeram uma entrevista com seis selecionados, todos juntos para fazer experiência de uma semana. Então destes seis dois ficariam.

Começamos a sair com o pessoal para fazer atendimentos e fomos nos empenhando e então foram nos avaliando e na verdade estamos em constante avaliação. Eu procuro fazer o melhor possível, procuro manter sempre meu padrão e sempre melhorando. Esta é uma grande oportunidade e o pessoal da Qwerty é bem unido, simples e humilde, não podemos nunca nos achar melhor que outros!

Veja o que diz quem já trabalha com a gente

Janete Neunfeld

Minha experiência na Qwerty começou quando fui contatada para fazer uma entrevista de emprego para uma vaga no setor de suporte técnico.

Na ocasião havia cerca de dois anos que havia me formado Técnica em Informática pela QWERTY Escola.

Havia a insegurança, mas sabia que o conhecimento que havia adquirido me auxiliaria no processo.

Foram muito receptivos na entrevista demonstrando o que eles estavam buscando e acredito que o meu diferencial, além da formação, foi demonstrar que estava disposta a desenvolver os aprendizados necessários.

Baudi Carrion

Eu trabalhava em outra empresa de telecomunicações quando recebi uma ligação da equipe da empresa me perguntando se eu queria fazer parte da equipe da Qwerty Internet. Lembro que na época indiquei o meu irmão e depois de um tempo, quando me desliguei da empresa que trabalhava, procurei novamente a Qwerty e após alguns dias fui chamaram para uma entrevista, pois eu já tinha uma experiência na área de telecomunicações.

Fui contratado e agarrei a oportunidade com as duas mãos. Hoje em dia eu só tenho a agradecer a todos envolvidos e responsáveis por essa empresa. Entrei como instalador e hoje em dia fiz vários cursos dentro da empresa, como técnico em informática e dois cursos em fibra óptica. Pela minha visão eu cresci dentro da empresa e minha intenção é sempre melhorar a cada dia e crescer junto à empresa. Sou muito grato pelo o que me tornei!

Esmael Pamplona

Me chamo Esmael Esmério Pamplona, tenho 29 anos e trabalho na Qwerty desde 2012. Na época eu havia me desligado de outra empresa onde o ramo era totalmente diferente do que a Qwerty trabalha. No mês de setembro de 2012 a Qwerty ofertou duas vagas na área de vendas, nesta época eu não tinha conhecimento algum na área, mas mesmo assim participei da seleção. Lembro bem que a fila de interessados a essa vaga era muito grande. Fui entrevistado pelo gerente de vendas da época e mesmo sem nenhuma experiência na área fui selecionado para um curso relacionado à área com a duração de uma semana. Neste curso os que apresentassem o melhor desempenho seriam os dois contratados, ao fim do curso fui contratado e comigo mais duas pessoas, ou seja, uma a mais do que o previsto. Dentro da Qwerty tive várias experiências as quais me moldaram profissionalmente e pessoalmente. Lembro claramente quando meu colega e amigo Geyson Silva, em uma conversa me incentivou a participar do curso técnico de informática da Qwerty e então a partir dali uma nova oportunidade surgiu em minha vida, adentrei ao meio da tecnologia da informação. Desde quando entrei para o grupo Qwerty vi várias oportunidades sendo oferecidas a população Pedritense, muitas vagas de emprego. Vi também muitas pessoas entrando ao mercado de trabalho por meio dos cursos técnicos oferecidos pela Qwerty Escola. Hoje, depois destes anos nesta empresa que incentiva o colaborador a crescer, tenho muito orgulho e gratidão a ela. Obrigado Qwerty!

Tatiane Rockenbach

Eu havia trabalhado na Qwerty nos anos de 2007 a 2009. Por motivo de saúde, precisei me desligar da empresa. Fiquei fora do mercado de trabalho por algum tempo. Quando voltei trabalhei em outras empresas na cidade, até receber uma proposta para voltar a trabalhar na Qwerty como Consultora de Vendas.  Abracei a oportunidade na hora.

Estou aqui há três anos, realizada com o que faço e grata por fazer parte da Família Qwerty, empresa pedritense que acredita em cada colaborador, oferecendo oportunidades e condições de crescimento. Meu sentimento é de gratidão!

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios