NOTÍCIAS

“Insisto que vejo possibilidade de retorno”, diz Leite sobre volta das aulas presenciais

Governador quer retomada de aulas em 31 de agosto para Educação Infantil e em 14 de setembro para Ensino Superior

Textos, fotos e vídeos do Portal Qwerty estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, sendo vedada a reprodução em qualquer meio de comunicação sem autorização prévia.

O governador Eduardo Leite manteve, nesta segunda-feira (24), de defesa do cronograma para retomada de aulas presenciais no Rio Grande do Sul, mas adiou para quinta-feira (27) o prazo para que o Piratini bata o martelo sobre o tema.

Ao ser questionado se o governo apresentaria um novo cronograma para volta das aulas presenciais, diante da rejeição da proposta original por parte dos prefeitos, Leite voltou a dizer que acredita na possibilidade de um retorno seguro.

– A gente tem ainda novas reuniões, hoje, do nosso comitê científico, amanhã, nova rodada com a Famurs e com o Ministério Público. Vai ter a participação de epidemiologistas. (…) E a gente espera, com isso, consolidar uma posição sobre o retorno ou não, nas próximas semanas, ao longo dessa semana. Se vamos retornar ou não, a gente pretende até a quinta-feira ter uma consolidação. Eu ainda insisto que vejo a possibilidade de um retorno com regras com horários reduzidos, turmas reduzidas, para faixas específicas de ensino. Mas nada será feito de forma abrupta – respondeu Leite, durante coletiva de imprensa realizada pela internet.

Na semana passada, o governador havia indicado que a decisão sairia nesta terça-feira (24), após reunião com a Famurs. Nove a cada dez prefeitos, conforme pesquisa da Famurs, são contrários ao calendário de volta das aulas proposto por Leite. 

O cronograma estadual prevê retorno em fases, começando em 31 de agosto para Educação Infantil, seguida pela volta do Ensino Superior, duas semanas depois. Na semana seguinte, voltariam os alunos e professores de Ensino Médio. As aulas do Ensino Fundamental voltariam em duas etapas, nas duas semanas posteriores.

Cronograma de retomada proposto pelo governo do Estado

  • 31/8 – Educação Infantil (público e privado)
  • 14/9 – Ensino Superior (público e privado)
  • 21/9 – Ensinos Médio e Técnico (público e privado)
  • 28/9 – Ensino Fundamental – anos finais (público e privado)
  • 8/10 – Ensino Fundamental – anos iniciais (público e privado)

Fonte: Gaúcha ZH.

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios