NOTÍCIAS

Governo do estado altera protocolos da bandeira vermelha

Em restaurantes, atendimento presencial passa a ser permitido com dias e horários reduzidos

Textos, fotos e vídeos do Portal Qwerty estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, sendo vedada a reprodução em qualquer meio de comunicação sem autorização prévia.

Um dia após o Rio Grande do Sul registrar 83 óbitos por coronavírus em um período de 24 horas, marca recorde desde o início da pandemia, o governo do Estado publicou nesta quarta-feira um decreto alterando os protocolos de restrições para o comércio não-essencial nas regiões de bandeira vermelha no modelo de Distanciamento Controlado. As mudanças valem a partir de hoje, com a publicação de decreto, e envolvem o comércio varejista não-essencial localizado em ruas, centros comerciais e shoppings, e o funcionamento de restaurantes. 

Essas mudanças, segundo o governo estadual, também foram debatidas e validadas com a Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs) e com as 27 associações regionais, durante reunião na manhã nessa terça-feira.

A flexibilização foi antecipada pelo governador Eduardo Leite em videoconferência nessa terça-feira. Segundo ele, a medida ocorre em consequência a estabilização na demanda por internações em UTI’s com pacientes com Covid-19. 

Nessa segunda-feira, na 13ª rodada do Distanciamento Controlado, o governo do Rio Grande do Sul definiu seis regiões com bandeira vermelha e 14 em laranja.

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios