- DestaquesNOTÍCIAS

Visita de Bolsonaro a Bagé não terá discursos nem aglomerações

Divaldo Lara afirma que protocolos são necessários em razão dos cuidados com a pandemia

Textos, fotos e vídeos do Portal Qwerty estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, sendo vedada a reprodução em qualquer meio de comunicação sem autorização prévia.

O prefeito de Bagé, Divaldo Lara, afirmou que a visita do presidente da República Jair Bolsonaro à cidade não deverá ter discursos nem aglomerações, em razão dos protocolos de combate à pandemia de coronavírus. Divaldo também pede para que apoiadores do presidente não se desloquem para a cidade a fim de receber a comitiva.

— Não vai ter manifestação de absolutamente ninguém. O evento e a restrição é para todos, foi o que nós pedimos, acredito que é o que vá acontecer. A organização dos 30 convidados foi feita pela prefeitura municipal de Bagé e acredito que vá se manter o que se programou e combinou, para que seja um evento rápido e também direcionado às pessoas que aguardam para receber as suas moradias. Sem acúmulo, de acordo com os decreto e as restrições do município de Bagé — afirmou o prefeito em uma entrevista para a Rádio Gaúcha.

O presidente Jair Bolsonaro irá participar de inauguração de conjunto habitacional financiado pelo governo federal. A construção tem 1.164 moradias, entre apartamentos e casas, e está sendo considerada como “o maior empreendimento imobiliário popular de baixa renda do Rio Grande do Sul”. Além disso, o presidente também irá inaugurar uma escola cívico-militar na cidade. A instituição de ensino, entretanto, não tem data para abrir, uma vez que as aulas presenciais estão suspensas em todo o Estado.

Notícias relacionadas

Marcar também
Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios