- DestaquesNOTÍCIAS

Familiares de pedritense atropelado e morto em Paranaguá no Paraná buscam por informações que esclareça a morte do jovem

Vítima de 34 anos morreu na noite do dia 31 de maio na Rodovia Alexandra Matinhos

Textos, fotos e vídeos do Portal Qwerty estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, sendo vedada a reprodução em qualquer meio de comunicação sem autorização prévia.

Familiares do pedritense Adriano Sobreira Bernado, de 34 anos, buscam explicações sobre a trágica morte que vitimou o jovem na noite do dia 31 de maio de 2020 na cidade de Paranaguá no Estado do Paraná onde o rapaz residia a pelo menos dois anos. Conforme informações, do portal Plantão JR Notícias, Adriano foi atropelado na altura do KM 18 da PR-508, Rodovia Alexandra Matinhos. Ainda de acordo com o site, o corpo foi encontrado por motoristas que passavam pela região e acionaram as equipes de emergência e da Polícia Rodoviária Estadual.

O veículo envolvido no acidente não prestou socorro a vítima. Após o local ser periciado pela criminalística, o corpo do jovem foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal (IML) de Paranaguá. No momento do acidente, a vítima possuía apenas um cartão do bolsa família. O corpo de Adriano permaneceu 10 dias no IML, e já estava prestes a ser sepultado como indigente naquele Estado quando o serviço de assistência social conseguiu encontrar um familiar do jovem. A partir desse momento, a família de Adriano que chegou a se manifestar na rede social do Plantão JR Notícias, deu jeito de buscar o corpo da vítima, que acabou sendo sepultado ontem (11) em Dom Pedrito.

Conversamos com a mãe de Adriano. Ela contou a nossa reportagem, que quer descobrir onde ele estava morando e se tinha família, pois já fazia algum tempo que não mandava notícias.

Fonte: Plantão JR Notícias

Qwerty Portal de Notícias | Adriano Sobreira Bernado

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios