NOTÍCIAS

Divaldo anuncia teste rápido em pessoas que visitarem Bagé vindas de Dom Pedrito

"O surto de Dom Pedrito é muito ruim para a região", frisou prefeito ao destacar que situação, em Bagé, "está sob controle".

Textos, fotos e vídeos do Portal Qwerty estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, sendo vedada a reprodução em qualquer meio de comunicação sem autorização prévia.

Durante coletiva de imprensa virtual, realizada na tarde deste sábado, dia 16, o prefeito de Bagé, Divaldo Lara, confirmou que o município manterá sua estratégia de trabalho e não deve apresentar mudanças por meio de decreto tão logo, mesmo após duas novas confirmações de covid-19 envolvendo pacientes da cidade.

“Estamos com a situação sob controle, monitorando Dom Pedrito. Falei hoje com o prefeito de Dom Pedrito, colocando à disposição dele o nosso trabalho, as nossas equipes, nossos equipamentos, para ajudarmos o município no momento difícil que está vivendo”, disse ele em referência a recente crescente no número de casos confirmados e de suspeitas na Capital da Paz. “O surto de Dom Pedrito é muito ruim para a região”, frisou.

“O que temos previsto para a semana que vem são as barreiras sanitárias. Terá a desinfecção de todos os veículos que entrarem no município, porque a cidade não é mais contaminante (…) Vamos fazer a vacinação (contra a gripe) de quem estiver entrando no município e que seja dos grupos de risco (…) Estaremos fazendo teste rápido naquelas pessoas que estiverem vindo de Dom Pedrito e mais a medição de temperatura”, completou.

Novidades

Ao longo da entrevista, Divaldo antecipou que terá início, a partir de segunda-feira, a aplicação de testes, por amostragem, junto ao comércio de Bagé. “Vamos para dentro do centro da cidade, testar, além do que estamos fazendo na periferia da cidade, através da pesquisa, que semana que vem tem nova rodada, vamos para o miolo da cidade”, mencionou.

Além disso, questionado sobre a possibilidade de retorno das atividades em escolas, ele frisou não haver previsão de retorno. Inclusive, descartou qualquer possibilidade para maio. “Temos que aguardar a primeira semana de junho, para ver qual o resultado no município (…) e principalmente nos municípios vizinhos, que está nos preocupando”, avaliou. “Não temos previsão das aulas, não tem confirmação do dia 15 e não sei se será possível não”, sentenciou.

Aproveitando o encontro com a imprensa, Divaldo anunciou que, na segunda-feira, um total de 100 testes rápidos serão destinados para a Santa Casa, para aplicação em profissionais que atuam no combate à covid-19 ou mesmo paciente que busquem atendimentos e necessitem de uma avaliação.

Fonte: Jornal Minuano

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios