- DestaquesNOTÍCIAS

Prefeitura informa sobre medidas que estão sendo adotadas no sistema prisional

Preocupação é evitar a contaminação em massa e a sobrecarga do sistema de saúde após a confirmação de uma pessoa que trabalha na segurança pública e testou positivo para coronavírus

Textos, fotos e vídeos do Portal Qwerty estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, sendo vedada a reprodução em qualquer meio de comunicação sem autorização prévia.

Em razão dos últimos três casos confirmados de contaminação pela Covid-19 estar entre profissionais da segurança pública, o aumento da contaminação entre os profissionais da área e detentos é uma grande preocupação entre as lideranças locais.

Há poucos minutos o prefeito Mário Augusto esteve reunido com o líder de Governo no Legislativo, o cirurgião-dentista Renato Chiaradia, o secretário de Educação e Cultura, Marco Antônio Rodrigues e a assessora parlamentar, Marcia Borges Garcia, discutindo a situação que muito preocupa.

Profissionais da Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde trabalham desde a semana passada no monitoramento de pessoas que tiveram contato de um caso positivo que veio da Serra Gaúcha. Desde que foram informados dessa situação, todos os protocolos do Ministério da Saúde estão sendo seguidos, mesmo antes do recebimento dos resultados.

Nesta quarta-feira, dia 13, foi feita a desinfecção interna e externa no presídio estadual de Dom Pedrito e todos os apenados que tiveram contato com os casos positivos estão isolados, permanecendo todos assintomáticos até o momento.

Os profissionais também estão sendo monitorados e, se apresentam sintomas testados.

A equipe aguarda agora os dias necessários para que se faça a testagem utilizando os testes rápidos entre as pessoas que cumprem pena.

Conforme Chiaradia, esses casos localizados, além da preocupação com o vírus e com a população carcerária, uma vez que, boa parte dos detentos faz parte do grupo de risco. “Uma contaminação em massa pela Covid-19 poderia sobrecarregar o sistema hospitalar muito rapidamente. Por isso, essas medidas são essenciais”, enfatiza.

O prefeito, em conversa por telefone com a diretora da unidade prisional local, Verusca Espinosa Mancilha, demonstrou sua preocupação e está reforçando junto às autoridades do Estado o pedido por reforço de pessoal já feito pela diretora.

“Em contato com a Secretaria Estadual de Segurança Pública, estamos gestionando para que o envio de reforço seja o mais imediato possível. Neste momento é imprescindível o reforço de pessoal para que os profissionais consigam manter o isolamento necessário”, declarou o prefeito.

Fonte: Departamento de Comunicação da Prefeitura.

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios