NOTÍCIAS

Região da Campanha é reconhecida com selo de indicação geográfica para produção de vinhos

Produção local é reconhecida oficialmente por órgão nacional

Textos, fotos e vídeos do Portal Qwerty estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, sendo vedada a reprodução em qualquer meio de comunicação sem autorização prévia.

No dia 5 de maio, foi publicado na Revista da Propriedade Industrial pelo Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) o selo de indicação de geográfica, na espécie indicação de procedência para a região da Campanha, na produção de vinhos finos brancos, rosados, tintos e espumantes.

A Indicação Geográfica (IG) “Campanha Gaúcha” foi concedida em nome da Associação dos Produtores de Vinhos Finos da Campanha Gaúcha. Dessa forma, todos os produtores de vinhos que estiverem na faixa da região que abrange um total de 44 356 Km², e seguirem as normas contidas no regulamento de uso denominado Caderno de Especificações Técnicas, terão a condição de usar a indicação geográfica estampado nos rótulos de cada um dos produtos.

A presidente da Associação dos Produtores de Vinhos Finos da Campanha Gaúcha, a empresária Clori Peruzzo, declara que falar sobre essa conquista é falar de muita alegria. “É um diferencial que nossa região vai ter porque quando se conquista essa identificação, ela diz respeito a um território. Não são só as vinícolas do território que serão beneficiadas, mas, sim, toda uma região, pois, além do vinho, deve ser bem mais valorizado, reconhecendo o território, todo ele terá condições de se desenvolver porque atrás de uma identificação geográfica, vem outros ganhos”, ressalta Clori.

Um desses segmentos beneficiados é o do turismo aponta a empresária. Conforme ela, essa indicação atrairá os tomadores de vinho de outras regiões do país, com toda certeza, irão querer conhecer a Campanha Gaúcha, depois dessa conquista, para apreciar o que é produzido aqui. “Nós que estamos trabalhando aqui com vinhos, estamos muito felizes. É uma busca de muitos anos, foi realizado um trabalho bem feito e isso trará benefícios econômicos para a região”, frisa.

Fonte: Folha do Sul

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios