- DestaquesNOTÍCIAS

Indivíduos presos pela polícia na semana passada acusados de planejar sequestro em Dom Pedrito são soltos pela Justiça Federal

Os dois homens foram presos na BR 153 em uma ação conjunta da PRF com PC

Textos, fotos e vídeos do Portal Qwerty estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, sendo vedada a reprodução em qualquer meio de comunicação sem autorização prévia.

Na noite de quarta-feira (25), a Justiça Federal mandou soltar dois homens acusados de participar de uma quadrilha que estaria planejando um sequestro em Dom Pedrito. Os dois indivíduos foram presos na manhã de quarta-feira (18/03), quando Os PRFs em conjunto com a Polícia Civil após realizarem buscas, acabaram prendendo os homens na BR 153. Outros dois comparsas, haviam sido interceptados também pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na BR 293 em Dom Pedrito, e após reagirem a abordagem do policiais, um dos criminosos acabou sendo morto, o outro se entregou após deixar cair uma arma.

Quanto a decisão de liberar os homens presos na BR 153, segundo informações, como houve desobediência a uma ordem de parada de um policial rodoviário federal, resistência a prisão e um dos policiais em legítima defesa desferiu um tiro contra um dos bandidos em fuga, acabou firmando competência da Justiça Federal, que agora deve julgar tanto o processo de tentativa de homicídio que não se consumou pela legítima defesa do policial, como pelo crime que estes dois estavam cometendo quando os policiais o abordaram.

Em razão disso, o processo foi remetido a 2ª Vara Federal de Santana do Livramento, que irá analisar todos os fatos em conjunto. Em virtude desta mudança, o Juiz Federal André Augusto Giordani, decidiu nesse primeiro momento ao avaliar o flagrante realizado em Dom Pedrito, soltar os dois homens que foram presos na BR 153, na quarta-feira (18) da semana passada.

Também conforme informações, os dois indivíduos foram liberados na noite de ontem (25), assim que o alvará de soltura foi entregue no Presídio Estadual de Dom Pedrito. Eles receberam passagens para voltar a região metropolitana em virtude de morarem nesta localidade.

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios