NOTÍCIAS

Ibama apura morte de mais de 50 pássaros em Bagé

Grãos de milho foram encontrados no papo das aves. Suspeita é de que tenha ocorrido envenenamento. Análise toxicológica está sendo providenciada

O Ibama está apurando a morte de mais de 50 pássaros em Bagé, na Campanha do Rio Grande do Sul. O caso veio a tona no dia 28 de março, depois de circularem notícias nas redes sociais sobre aves caídas em bairros da cidade.

“Caturritas eram 44, sem contar outros pássaros como joão de barro, pardal e pomba rola. As caturritas estão na lista de animais em extinção”, afirma a analista ambiental e chefe da unidade técnica do Ibama de Bagé, Janize Augusta Ferro de Medeiros.

A Brigada Militar Ambiental e o coordenador de Meio Ambiente da Secretaria Municipal de Educação acompanharam o Ibama nos trabalhos. Amostras foram encaminhadas para a Universidade Federal de Pelotas (UFPel) e para uma clínica do município, que realizou a necropsia.

Foram encontrados grãos de milho no papo dos pássaros. A suspeita é de que tenha ocorrido envenenamento.

“Só uma análise toxicológica poderá confirmar se foi veneno, e talvez descobrir a origem. Essa análise está sendo providenciada”, explica Janize, que acrescenta que ainda não há prazo para o resultado.

Os pássaros foram encontrados em bairros distantes. A Secretaria Municipal do Meio Ambiente recolheu as aves para que outros animais não tivessem contato e não fossem atingidos.

No caso da caturrita, a multa por animal encontrado morto é de R$ 5 mil, se forem identificados os autores do suposto envenenamento. Caso seja constatado algum ato de infração administrativa ou ambiental, o caso pode ser encaminhado ao Ministério Público.

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios