- DestaquesNOTÍCIAS

Câmara de Vereadores aprova o aumento da taxa de iluminação pública

Com maioria na Câmara, projeto do Executivo foi aprovado em 1º turno

Textos, fotos e vídeos do Portal Qwerty estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, sendo vedada a reprodução em qualquer meio de comunicação sem autorização prévia.

O plenário da Câmara de Vereadores aprovou, na sessão de segunda-feira (10), o Projeto de Lei Nº 57/2018, do Executivo, que altera a contribuição para custeio da iluminação pública no município.

A contribuição, que tem o mesmo valor desde o ano de 2008, R$ 2.60, passará a custar, a partir de janeiro de 2019, R$ 4.52, têm por finalidade complementar o pagamento da conta de iluminação pública, ruas e praças, manutenção e substituição de luminárias, expansão do projeto Reluz Municipal e outros materiais.

Atualmente o custo mensal da iluminação pública está, em torno de R$ 68.161,75, acrescido de adicional bandeira vermelha, patamar P2, no valor de R$ 12.260,19, totalizando R$ 80.421,94. Deste total apenas R$ 25.000,00 é custeado pela contribuição, o restante R$ 55.421,94 provem de recursos municipais.

No dia 8 de novembro aconteceu uma Audiência Pública na Câmara, tendo como tema o projeto que, então, tramitava na Casa propondo um reajuste para R$ 6.52. Presente na audiência, o prefeito Mario Augusto de Freire Gonçalves acenou com a possibilidade de reduzir o reajuste. Ato seguinte retirou o projeto, reapresentado com o valor em questão, aprovado pela maioria dos vereadores.

A votação nominal teve o seguinte placar:

Favoráveis – Ana Paula Montiel Salines, Terezinha Camponogara, Rosemeri Martins dos Santos, Renato Chiaradia, Hiltom Ender Lopes, Eli Barbosa e Luiz Carlos Moraes Costa.

Contrários – Ricardo Schluter, Sergio Roberto Vieira, Luiz Carlos Pinto Cruz e Ademir Veiga.

O vereador Jonathan Duarte esteve com ausência justificada e o presidente Diego da Rosa Cruz só votaria em caso de empate.

Fonte: Assessoria de imprensa da Câmara de Vereadores

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios