NOTÍCIAS

RS – Cinco mil presos devem usar tornozeleiras eletrônicas até fevereiro

O monitoramento eletrônico no Rio Grande do Sul será ampliado, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Rio Grande do Sul. Nos primeiros seis meses de implantação do sistema, quase mil apenados do regime semiaberto e aberto da Região Metropolitana de Porto Alegre usaram tornozeleiras eletrônicas. Como resultado, dos 90 presos que conseguiram fugir, 50 ainda estão foragidos. A expectativa é que, até fevereiro de 2014, cinco mil apenados de Porto Alegre, Caxias do Sul, Bento Gonçalves, Passo Fundo e Santa Maria passem a usar.

 

O Sistema deve ser mais eficiente que o atual. Em Setembro, dois apenados foram flagrados cometendo crimes após as tornozeleiras terem sido violadas. Em outubro, outro dispositivo foi encontrado em uma parada de ônibus na Capital.

 

As tornozeleiras eletrônicas serão usadas também por 50 homens que estão sendo investigados na Lei Maria da Penha, a partir de dezembro.  As mulheres usarão um dispositivo que permite o aviso à polícia em casos de risco. 

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios