- DestaquesVARIEDADES

Chuva atinge parte do Estado nesta terça-feira

Em Dom Pedrito, instabilidades devem se formar a partir da tarde

Textos, fotos e vídeos do Portal Qwerty estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, sendo vedada a reprodução em qualquer meio de comunicação sem autorização prévia.

Nesta segunda-feira (13), o sol voltou a predominar em todo o território gaúcho. Com o tempo firme, as temperaturas seguiram elevadas, com máximas acima de 30°C em quase todo o Estado. Em São Luiz Gonzaga, na região das Missões, os termômetros chegaram a apontar 36,5°C durante a tarde. Na Capital, a máxima foi de 31,6°C.

Hoje (14), o cenário começa a mudar. A massa de ar seco que vinha atuando sobre o Rio Grande do Sul perde força, abrindo espaço para a chegada da chuva na Região Central, na Fronteira Oeste e em pontos do norte gaúcho. Nas demais áreas, porém, o tempo permanece firme, com predomínio de sol. 

A temperatura continua alta. A máxima do dia no Estado deve ser registrada em Rio Pardo, no Baixo Jacuí, onde os termômetros devem marcar 37°C. Na Capital, a temperatura fica entre 19°C e 34°C.

Na quarta-feira (15), a instabilidade passa a atingir todas as regiões. Na Fronteira Oeste, na região da Campanha e nas áreas ao sul do Estado, deve chover de forma contínua, com presença de descargas elétricas e de rajadas de vento que podem chegar a 60 km/h. Nas demais áreas, a previsão é de pancadas isoladas, alternadas com períodos de sol. A temperatura, por sua vez, continua elevada. Na Capital, os termômetros devem variar entre 22°C e 35°C.

Em Dom Pedrito

A terça-feira (14) começou céu limpo e calor, mas mudanças são esperadas a partir da tarde e noite. A temperatura deverá subir no decorrer do dia, podendo alcançar os 35° C. Na parte de tarde o tempo começa a mudar pancadas de chuva podem ser registradas em pontos isolados.

Amanhã, os institutos esperam que com perda de força da massa de ar seco, as instabilidades tomem conta do Estado e a chuva deve se espalhar por todas as regiões.

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios