- DestaquesNOTÍCIAS

Peixes apreendidos foram doados para entidades beneficentes de Bagé

Em virtude de os militares do 3º Pelotão Ambiental não conseguirem um laudo de um Médico Veterinário em Dom Pedrito, o produto foi levado para Bagé, onde foi possível realizar a doação

Textos, fotos e vídeos do Portal Qwerty estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, sendo vedada a reprodução em qualquer meio de comunicação sem autorização prévia.

Como todos puderam na manhã de hoje (9), o 3º Pelotão Ambiental da Brigada Militar, sediado em Bagé, realizou a prisão de nove pescadores nas imediações da localidade de Passo Fundo, cerca de 20 km da área urbana.

Além dos equipamentos de pesca, os peixes também foram apreendidos e levados com os pescadores para a delegacia local. Normalmente, caso o peixe esteja em boas condições para o consumo humano, basta um atestado de um médico veterinário para que se possa doar o alimento. Infelizmente, os militares não conseguiram esse documento em Dom Pedrito, o que ocasionaria, fatalmente, no encaminhamento do produto para o descarte, uma lástima, sem dúvida.

Os militares, então, levaram consigo, os peixes para Bagé, cidade de origem do 3º Pelotão Ambiental. 100 kg de peixes precisaram ser descartados devido ao mau acondicionamento, porém o restante foi doado para três entidades beneficentes daquele município, como consta:

  • 50 kg para a Casa do Menino
  • 50kg para a Casa da Menina
  • 50kg para a Fundação Geriátrica José e Auta Gomes

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere nos ajudar desabilitando o adblocker no seu navegador.