- DestaquesNOTÍCIAS

Audiência Publica discute bloqueio de verbas destinadas à Unipampa em Dom Pedrito

Reunião aconteceu na manhã desta sexta-feira, na Câmara de Vereadores

Textos, fotos e vídeos do Portal Qwerty estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, sendo vedada a reprodução em qualquer meio de comunicação sem autorização prévia.

No dia 14 de junho (sexta) aconteceu na Câmara de Vereadores de Dom Pedrito uma Audiência Pública em Defesa da Educação solicitada pela Universidade Federal do Pampa – Unipampa Campus Dom Pedrito. Estiveram presentes na audiência a equipe diretiva, servidores técnicos administrativos em educação e professores do Campus, além da comunidade pedritense e dos vereadores Rosemeri Martins dos Santos e Eli Souza. Durante o evento foi mostrado o local, antigo aeroporto, como era e hoje como é com a implantação da Universidade. Foi mostrado também o orçamento que deveria estar liberado para toda a Universidade e o valor do bloqueio que é em torno de 14 milhões.

Cabe ressaltar que os bloqueios sempre existiram, num percentual menor e com uma previsão de desbloqueio e não é o que acontece atualmente, pois o bloqueio é num percentual maior e sem previsão de desbloqueio o que dificulta o planejamento e pagamento das contas da Universidade.

O bloqueio anunciado pelo MEC é de 3,5%. Esse percentual está considerando os gastos com pessoal que somam cerca de 82% de custo para a Universidade e é uma despesa obrigatória, ou seja, se considerarmos os gastos discricionários que é o que está bloqueado podemos falar em um bloqueio de 30%. Esse recurso é referente as contas discricionárias que envolvem gastos com água, luz, materiais de expediente, contratos terceirizados, etc.

A Unipampa conta hoje com 321 colaboradores terceirizados, que atuam em diversas áreas essenciais para o funcionamento das atividades dos Campus/Universidade, que inclui serviço de limpeza, vigilância, portaria, agropecuários, motoristas e manutenção predial. Com o bloqueio esses contratos estão ameaçados, pois a Universidade não tem como pagar as empresas terceirizadas. Para se ter uma ideia, a Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) demitiu 43% dos seguranças terceirizados e a Universidade Federal da Paraíba (UFPB) tem 42 obras paralisadas. Já a Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), demitiu todos os trabalhadores da limpeza. Numa região como a nossa, onde existe a dificuldade de emprego, com o aumento da taxa de desemprego do país é preocupante viver este cenário, pois além de inviabilizar o desenvolvimento das atividades das Universidades, afeta também famílias que precisam de renda para a sua sobrevivência, com isso, além do problema que enfrentamos hoje na Educação, será gerado um problema social grave.

Durante a audiência foi apresentado também o Campus Dom Pedrito em números, sendo que o número de vagas ofertadas anualmente é em torno de 260 vagas em cinco cursos de graduação e 120 vagas em pós-graduação. 404 alunos formados em cursos de graduação, inclusive alguns já atuando na esfera municipal. Contamos com o quadro de servidores de 65 docentes e 50 TAEs e 25 colaboradores terceirizados.

– Injeção média mensal na economia local somente pelo salário de todos os servidores públicos e servidores contratados é em torno de 750.000, sem contar os gastos dos alunos vindos de outros locais do estado e do Brasil inteiro para a cidade.

– Em pesquisa ao site do IBGE, verificou-se que o aumento do valor do PIB, no período de 2010 a 2016, provenientes do Setor de Serviço, foi de 94%, em valores brutos de R$235.626.000 para R$456.609.000, o que para uma cidade do porte de Dom Pedrito é um aumento bastante expressivo.

– Servidores do campus Dom Pedrito da UNIPAMPA participam de diferentes eventos no município, incluindo Farmshow, Feira do Livro, Feira de Ciências, Semana do Meio Ambiente, entre outros. E representantes da UNIPAMPA participam de diferentes Conselhos Municipais.

– No Sistema de Informação de Projetos de Pesquisa, Ensino e Extensão estão cadastrados: 250 projetos de pesquisa (vários grupos de pesquisas), de várias áreas, que incluem: Produção Animal, ovinocultura, piscicultura, forragicultura, vitivinicultura, solos, formação de professores, educação e ensino, educação do campo, biodiversidade e agroecologia; 54 projetos de ensino, dentre eles projetos de apoio pedagógico, ensino e aprendizagem e monitorias; 200 projetos de extensão, que incluem exibição de filmes para a comunidade, assistência técnica a produtores locais com serviços de análises laboratoriais e instruções técnicas, articulação com diferentes segmentos sociais, inclusive movimentos sociais, projetos voltados a Economia Solidária e a valorização dos saberes populares (Carijo: Conhecimento camponês e indígena na produção de erva mate), cursos de formação continuada para professores . O campus conta também com o NEABI ( Núcleo de Estudos Afro-brasileiros e indígenas).

– A UNIPAMPA promoveu diversas Semanas Acadêmicas além de Palestras abertas a toda a comunidade. Organizou e/ou ajudou na organização dos seguintes eventos: I Encontro da Juventude Quilombola do Pampa, I Encontro Internacional dos Povos do Campo, Carijos e carijadas, Mostra de profissões, Simpagro- Simpósio do Agronegócio (várias edições), Feiras de Ciências: Estimulando a Investigação Científica na Escola, Equus do Pampa- Simpósio de Equinocultura (várias edições), 10° Fórum Gaúcho de Arborização, Fórum Regional em Defesa da Educação, Seminário de Ovinocultura do Pampa Gaúcho (várias edições), I Encontro de Escolas de Enologia do Brasil, entre outros tantos eventos.

– A UNIPAMPA está sempre de portas abertas para receber a comunidade , oferecendo a esta, a oportunidade de conhecer suas dependências e também as atividades/projetos nela desenvolvidos.

– O campus Dom Pedrito da Unipampa tem recebido grande apoio da Prefeitura Municipal e da comunidade pedritense. Inclusive, no dia 15 de maio foi dado um abraço simbólico no campus, demonstrando o acolhimento da comunidade à universidade, do qual participaram diversas pessoas, algumas sem vínculo formal com a instituição.

Com isso, a audiência serviu para mostrar a comunidade sobre a importância da Universidade na região, em especial o Campus Dom Pedrito e pedir o apoio em prol da Educação Pública, Gratuita e de Qualidade ofertada na região através da Unipampa que deve ser o Nosso Orgulho e é Patrimônio Nosso!

Fonte: Universidade Federal do Pampa, campus Dom Pedrito.

Notícias relacionadas

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere nos ajudar desabilitando o adblocker no seu navegador.