- DestaquesNOTÍCIAS

Centro de Convivência da Família amplia atendimentos

Novas oficinas e atividades deverão iniciar em breve

Textos, fotos e vídeos do Portal Qwerty estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, sendo vedada a reprodução em qualquer meio de comunicação sem autorização prévia.

Numa parceria das secretarias da Educação, Saúde e Desenvolvimento Social, o Centro de Convivência da Família, reativado em maio de 2017, funciona sob a coordenação da professora de Educação Física, Alaíde Leal, com o apoio de profissionais cedidos pelo Município e de voluntários. As informações são do Departamento de Comunicação da Prefeitura.

Além das aulas de violão, flauta, teatro, pilates, encontro do grupo de 3ª idade Reciclar para Viver, grupo de caminhada, atendimento de osteopatia e de atividade motora para usuários da APAE, mais quatro novas oficinas estão em andamento e outras que devem iniciar em breve.

Novas oficinas em andamento:

Dança Circular: os movimentos fazem bem para o corpo e para a alma. Mas, o objetivo maior é a integração. A dança circular estimula o autoconhecimento e, por ser feita em roda, o conhecimento em relação ao outro. As aulas estão sendo ministradas pela bolsista da Unipampa, Isis Froehlich Petim. A atividade é indicada para todas as idades.

De outro jeito: o projeto trabalha distorção idade/série, para alunos das escolas municipais que estão no 3º ano. Adultos não alfabetizados também são contemplados com o projeto que tem o mesmo nome. Ambos são ministrados pela psicopedagoga Márcia Netto Soares.

Tecendo afeto: consiste em conviver e ensinar a arte de tricotar para todas as idades. As aulas são ministradas pela voluntária Saionara Brandi dos Santos.

Artevida: pessoas de todas as idades têm contato com a leitura e expressão corporal de forma única. O professor voluntário Antônio Lima, em parceria com a psicopedagoga Márcia, são os motivadores do projeto.

Em breve:

Em parceria com a Unipampa será oferecido, uma vez por semana, o Cine Família onde os frequentadores poderão assistir a um filme por semana. O projeto inicia ainda este mês.

Também será ofertado no Centro de Convivência da Família sessões de fisioterapia com o fisioterapeuta Oberdã Xavier.

Quem tiver interesse em participar de algum grupo, deve ir diretamente ao Centro de Convivência que fica na Rua Bernardino Ângelo, 1854.

Notícias relacionadas

Close

Adblock detectado

Por favor, considere nos ajudar desabilitando o adblocker no seu navegador.