NOTÍCIAS

Em Bagé, taxista consegue se esconder em matagal para não ser morto

Um homem de 72 anos, que trabalha como taxista no centro da cidade, foi vítima de tentativa de latrocínio e roubo de veículo consumado. O caso aconteceu na ERS-473, próximo ao Clube Cantegril, no domingo, por volta das 23h30min. As informações são do Jornal Folha do Sul.

Segundo o boletim de ocorrência, a vítima estaria saindo do ponto de táxi quando teria sido chamado por um indivíduo na esquina de uma agência bancária. O acusado teria informado que precisaria de uma corrida para buscar sua mulher e depois retornar até a Cohab.

Porém, próximo a uma chácara, antes do Cantegril, o indivíduo pediu para o taxista parar pois ele precisaria urinar. No momento em que o carro parou, o acusado teria sacado uma faca e tentado atingir a barriga da vítima, que, para se defender, agarrou a lâmina da faca – motivo pelo qual está ferido -, conseguiu abrir a porta e sair correndo pelo mato.

Consta que o acusado teria saído correndo atrás da vítima, não conseguindo encontrá-la. Na sequência, teria voltado para o carro e direcionado os faróis para o matagal. Como não encontrou mais o taxista, fugiu levando, dele, o veículo, o dinheiro e todos os documentos.
O caso será investigado pela Delegacia Especializada em Furtos, Roubos, Entorpecentes e Capturas (Defrec).

Jornal Folha do Sul

Ver mais

Notícias relacionadas

Close

Adblock detectado

Por favor, considere nos ajudar desabilitando o adblocker no seu navegador.