Homem que furtou botijões é condenado pela Justiça

    No final de agosto deste ano, um homem foi preso pela Brigada Militar acusado de furtar dois botijões de gás e uma caixa de ferramentas de uma residência. A audiência sobre o caso foi realizada ontem (19), pelo Juiz da 1ª Vara da Comarca de Dom Pedrito, sendo o réu John Lennon de Freitas Corrêa condenado pelo furto dos objetos. A pena aplicada ao criminoso foi de um ano e quatro meses de reclusão, em regime semiaberto. Vale destacar que além de ter sido preso em flagrante na posse de parte dos objetos furtados, John Lennon também confessou que pulou o portão da residência da vítima durante a madrugada, tendo do local subtraído os dois botijões de gás e uma caixa de ferramentas.

    Relembre o caso

    Na madrugada do dia 22 de agosto de 2017, por volta das 4h30, uma guarnição da Brigada Militar em patrulhamento de rotina foi acionada a comparecer em uma residência na Rua Sete de Setembro, onde, segundo informações, haveria um indivíduo no pátio de uma residência furtando um botijão de gás. De acordo com boletim de ocorrência, ao chegar ao local, os policiais avistaram um homem, já do lado de fora da grade que cerca o pátio da residência, estando de posse do botijão.

    Ao ser abordado, o jovem identificado como John Lennon de Freitas Correa, de 25 anos, negou que estivesse efetuando o furto. Porém, ao conversar com a vítima, de 70 anos, a mesma confirmou que o objeto era de sua propriedade e que havia sido retirado do pátio de sua casa, sendo que minutos antes, ela havia visto o acusado do lado de fora da grade, de posse de uma pequena maleta contendo ferramentas, também de sua propriedade, a qual não chegou a ser localizada pela guarnição.

    John Lennon foi conduzido à Delegacia de Polícia para registro de ocorrência por furto qualificado. A vítima ainda disse que também foi furtado um outro botijão que estava no pátio da casa, e que também não foi localizado pelos policiais militares. Em contato com a delegada plantonista, a mesma determinou que fosse lavrado o auto de prisão em flagrante do acusado. O mesmo será encaminhado ao Presídio Estadual de Dom Pedrito, onde irá permanecer à disposição da Justiça.


    Warning: A non-numeric value encountered in /home/qwerty/www/wp-content/themes/newspaper-original/includes/wp_booster/td_block.php on line 1009