Assista ao vídeo das câmeras de monitoramento que flagraram o homicídio na Santa Casa de Dom Pedrito

O pânico causado na Santa Casa de Dom Pedrito devido a um homicídio foi notícia em todo o Rio Grande do Sul e chocou muitas pessoas nesta sexta-feira (16). Nossa reportagem teve acesso ao vídeo e mostra, por 11 minutos, como tudo ocorreu no interior do hospital na manhã de hoje. Primeiramente, vemos o adolescente que viria a ser morto a tiros, Igor Soares, no corredor do hospital, próximo ao quarto de Maicon Carvalho “Maicon Cadeirante”. Ele veste um capuz e está de bermuda, limpa as mãos na bermuda e entra no quarto de Maicon. Logo depois, aparece uma enfermeira e, sem notar nenhuma anormalidade, sai do quarto e segue seu caminho.

Na sequência, um paciente de camiseta amarela sai do quarto acompanhado de sua namorada, parecendo claramente que notam alguma discussão entre vítima e acusado, quando alguns segundos depois Maicon sai do local em sua cadeira de rodas e chama os funcionários do hospital. Neste momento, Igor está baleado no ombro. De acordo com o inspetor Lauro Telles, o cadeirante esconde a arma embaixo da perna e sai pelo corredor, sinalizando que iria trancar a passagem de Igor, caso o mesmo tentasse fugir.

Igor sai do quarto e, alguns minutos depois, tenta sair pelo corredor, é quando Maicon atira contra ele. Ele corre, mas cai logo depois já vindo a óbito. Enfermeiros correm, pedem ajuda, como mostram as imagens.

Minutos depois, às 7h26, Maicon retorna ao quarto com o casal que estava no local antes dos fatos e lava as mãos – segundo o inspetor, ele tem o intuito de retirar o resto de pólvora que estava nas mãos. Logo depois ele ainda lava os braços para retirar os resíduos até a chegada a Brigada Militar.