Santa Casa lança campanha beneficente para equipar UTI

    Recentemente inaugurada, a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) ainda carece de equipamentos. Os recursos para compra dos equipamentos devem vir de estado e união, através de emendas parlamentares de deputados vinculados ao município. Entretanto, a demora e a burocratização podem fazer com que o processo se arraste por muito tempo, principalmente no atual momento em que há uma instabilidade na política nacional.

    Buscando uma maneira de viabilizar o funcionamento da UTI de forma mais breve, o provedor da Santa Casa, Luiz Carlos Moraes Costa, lançou uma campanha de arrecadação de recursos para viabilizar alguns equipamentos, para cinco leitos. A reportagem da Qwerty Portal de Notícias conversou com o provedor que explicou que qualquer um, tanto pessoa física quanto jurídica, podem auxiliar a Santa Casa. “Não posso ficar esperando por estado ou união, pelas verbas dos deputados, que só serão aprovadas (se forem) em setembro, depois o processo licitatório”, explica o provedor, ressaltando que o tempo demandado é muito a esperar, sendo que a estrutura já pode começar a ser utilizada pela comunidade.

    A intenção do provedor é colocar cinco novos leitos, que fazem parte dos adquiridos pela Santa Casa recentemente, e equipar com os aparelhos exigidos pela nova estrutura, tecnológicos e de acordo com as exigências dos órgãos fiscalizadores, conforme lista disponível na Santa Casa. Lembrando que a UTI foi projetada para 10 leitos, os outros cinco leitos, diz o provedor, serão viabilizados, aí sim, pelo poder público.

    Quem quiser auxiliar, basta procurar a instituição e realizar a doação.