Dulce da Fonte Abreu sem professores; situação deve ser resolvida na próxima semana

    Mães dos alunos procuraram o Ministério Público (Foto: Divulgação)

    A escola estadual Dulce da Fonte Abreu, localizada no bairro Getúlio Vargas, sofre um drama que se repete ano a ano, em diversos educandários: falta de professores. Neste caso, a falta de docentes em turmas do 3º ano e 5º ano, fez com que as aulas fossem paralisadas pelo menos há 10 dias, até o momento. As mães dos alunos já procuraram o Ministério Público, buscando uma resolução para a situação, nesta quarta-feira (3).

    Segundo a diretora do educandário, Vani Regina Teixeira, já foi feito contato com a 13ª Coordenadoria Regional de Educação e foi garantido que a situação será resolvida até a próxima semana, com a possível contratação de dois professores. A diretora explica que os professores titulares destas turmas foram chamados pelo município, por isso ocorreu o transtorno.