Vacinação contra febre aftosa começa em primeiro de maio

    (Foto: Reprodução)

    Conforme nota do escritório local da Inspetoria de Defesa Agropecuária (IDA), assinada pelo fiscal agropecuário Robson Garagorry da Rosa, em maio começa a primeira etapa da vacinação contra febre aftosa no Estado. A vacinação será de 1 a 31 de maio.

    A campanha tem por meta imunizar todos os bovinos. Um dos fatos muito bem salientados na nota é que a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Irrigação (Seapi) não vai realizar a doação de doses: cada produtor será o responsável por adquirir as doses para seu rebanho.

    Segundo o documento, “o rebanho a ser imunizado em Dom Pedrito é de aproximadamente 360 mil bovídeos, correspondendo a 2,5% do rebanho gaúcho, que é composto por 14,5 milhões de cabeças, em 350 mil estabelecimentos, e a meta é ultrapassar a cobertura vacinal de 93%, tanto da população quanto de propriedades”.

    A nota segue, “durante este período, todos os proprietários deverão comprar as doses necessárias para vacinação de seu rebanho e apresentar a Nota Fiscal nas inspetorias/escritórios veterinários de Defesa Agropecuária da SEAPI/RS, especificando a quantidade de animais vacinados por categoria”.

    Sinais clínicos da doença

    É importante que os produtores estejam alertas aos sintomas da doença: lesões na boca e patas, babeira e manqueira, notificando a Inspetoria sempre que houver animais suscetíveis (bovinos, búfalos, ovinos, caprinos e suínos) com sintoma compatível.

    É necessário, também, comprovar a vacinação, com entrega da nota fiscal a Inspetoria até o dia 9 de junho.