Polícia Civil pede que vítimas de abigeato registrem o crime

Os números do abigeato em 2016 são alarmantes. Conforme dados da Polícia Civil, já foram furtados cerca de 130 ovinos, 200 bovinos e quatro equinos. O que agrava mais a situação é que até o mês de agosto, já foram registradas mais ocorrências de abigeato do que em todo 2015 em Dom Pedrito.

Muitos criadores que são vítimas de abigeato acabam não registrando a ocorrência por acreditar não ser eficaz. A Polícia Civil ressalta que o registro do crime é essencial para que investigações sejam realizadas e se chegue até os criminosos. Com a Força Tarefa criada pelo Governo do Estado, os crimes de abigeato serão investigados por uma equipe exclusiva.

A Força Tarefa, que está sediada em Rosário do Sul, deverá começar a atuar regularmente na Região da Campanha – onde o crime é mais comum. Conforme dados estatísticos, o abigeato está se concentrando nas margens da BR 293 e nas estradas vicinais, fato que pode ser atribuído pela falta de efetivo fixo da Polícia Rodoviária Federal (PRF) no município.