Brigada Militar prende em flagrante homem que agredia companheira

    21/agosto/2016 às 22h17min
     Atualizado terça-feira, dia 23 de agosto de 2016 às 00h27min

    Na tarde deste domingo (21), por volta 17h30, uma guarnição foi deslocada para atender uma ocorrência no bairro Getúlio Vargas, onde um homem estaria agredindo sua companheira. De acordo com relatos, pela forma das agressões, o acusado, identificado como Igor Oliveira da Silva, 36 anos, iria matar a vítima de 37 anos.

    Quando os policiais chegaram ao local, as agressões já haviam cessado. Eles relataram que haviam brigado por ciúmes e depois começaram as agressões entre ambos.

    O acusado e a companheira foram encaminhados ao Pronto Socorro (PS), onde ela disse ao médico plantonista que havia sido vítima de agressão física. Após realização de Raio X, ficou constatado fratura no nariz e um edema na região da face. Depois do atendimento no PS, eles foram levados a Delegacia de Polícia para registro de ocorrência.

    A vítima disse que deseja representar judicialmente contra o acusado, e solicitou as medidas protetivas contra Igor. Ela foi orientada a realizar exame de corpo de delito.

    Já a autoridade policial de plantão determinou a lavratura de flagrante delito pelo artigo 129 parágrafo 9, ou seja, se a lesão for praticada contra ascendente, descendente, irmão, cônjuge ou companheiro, ou com quem conviva ou tenha convivido, ou, ainda, prevalecendo-se o agente das relações domésticas, de coabitação ou de hospitalidade: Pena – detenção,
    de 3 (três) meses a 3 (três) anos.

    Em virtude da pena, foi arbitrada uma fiança de R$ 1.500,00 (hum mil e quinhentos reais), que não foi paga pelo acusado. Motivo pelo qual ele foi recolhido ao Presídio Estadual de Dom Pedrito.