Mais um ônibus que transportava alunos é recolhido pela Brigada Militar

    Mais um ônibus escolar de empresa terceirizada pela Prefeitura de Dom Pedrito foi autuado pela Brigada Militar na manhã desta quarta-feira (10), por volta das 7h45, na rua General Neto. Conforme a Polícia, no momento da abordagem, o motorista não possuía comprovante do curso de transporte escolar e, além disso, ele não apresentou os documentos do veículo à guarnição. A informação repassada pelos PMs, era de que os documentos do ônibus estariam em Santana do Livramento, local onde fica localizada a empresa proprietária do ônibus.

    De acordo com a Brigada Militar, no momento da abordagem, haviam muitas crianças e professores no coletivo. Todos iriam para a Escola Sucessão dos Moraes, no interior do município. Eles tiveram que seguir viagem em outro coletivo.

    A empresa até alegou que estava levando os documentos do ônibus para apresentar aos PMs, mas não chegou a tempo e o veículo acabou sendo recolhido pelo guincho à cidade de Bagé.

    Mais um caso envolvendo recolhimento de ônibus escolar

    Esse é o segundo caso em uma semana envolvendo ônibus de empresas terceirizadas pelo município. O outro fato ocorreu há exatamente uma semana atrás, no dia 3, quando na rua Antenor Madruga, a Brigada Militar flagrou um ônibus que transportava alunos da Escola Técnica de Dom Pedrito com licenciamento em atraso desde o mês de maio; além do motorista não estar portando, no momento da abordagem, o documento que comprova que ele teria curso de transporte coletivo e escolar. Ainda segundo a BM, o curso do motorista também estaria vencido.

    O coletivo foi guinchado e recolhido ao depósito de veículos da cidade de Bagé. O veículo, de acordo com os policiais, estava cheio de pessoas – inclusive algumas em pé. Os estudantes tiveram que retornar a pé para as suas casas.

    O motorista do veículo disse à nossa reportagem que a empresa estava ciente de que o curso que lhe habilita a realizar o transporte dos alunos está vencido, mas que a renovação do curso está marcada para os dias 7 e 8 de agosto.

    Em contato telefônico com o gerente da empresa Rodotran, da cidade de Rosário do Sul, identificado como Rodrigo, recebemos a informação que o transporte dos alunos continuará normalmente. Ainda conforme o gerente, o licenciamento já havia sido pago, mas ele só teria o recibo para comprovar o pagamento. A empresa venceu a licitação para o transporte dos alunos e começou a prestar o serviço nesta semana.


    Warning: A non-numeric value encountered in /home/qwerty/www/wp-content/themes/newspaper-original/includes/wp_booster/td_block.php on line 1009