Cachorro encontrado em residência morre por falta de alimentação

    Renata Sampaio

    Na tarde de hoje (30), tomamos conhecimento de uma história que choca por sua crueldade. Um cachorro foi encontrado na tarde de ontem (29), no pátio de uma residência na rua Torquato Severo após denúncia anônima, em estado de inanição, ou seja, em estado de debilidade extrema provocado por falta de alimentação, que leva o corpo a consumir os seus próprios tecidos para obter as calorias necessárias para se manter vivo, degradando órgãos, músculos e gordura corporal.

    Além disso, de acordo com João Pedro Seabra da ONG Amigo Bicho, o animal estava preso e com o maxilar quebrado. Mas, quando chegaram ao local – apesar de ainda estar vivo – o cão acabou não resistindo e veio a óbito. O proprietário do animal foi procurado, mas não foi encontrado.

    João disse também que na segunda-feira será registrado um boletim de ocorrência na Delegacia de Polícia, por maus tratos. Um outro cãozinho que estava na mesma residência foi entregue a uma pessoa que se prontificou a cuidá-lo.

    “Chegamos tarde. Talvez umas 3h haveriam bastado para salvá-lo da morte e de uma vida só de sofrimento. Um monstro da raça humana se sentiu à vontade para prendê-lo e matá-lo de fome, sede e frio. Agora ele está bem no céu dos animais e seres humanos de bem. Mas meu coração está cheio de tristeza por saber que por muito pouco tempo não conseguimos mostrar para ele que a vida é boa longe de pessoas ruins. Rezo para que Deus saiba como castigar tamanha maldade. Quanto a nós, rezo para que a justiça da terra comece a acordar para tamanha atrocidade. Vamos ver se a justiça funcionará”, desabafou Renata Sampaio Zocche, que também esteve no local.