Denunciados por furto são presos durante audiência e encaminhados ao Presídio Estadual de Dom Pedrito

    15/julho/2016 às 14h04min
     Atualizado sábado, dia 16 de julho de 2016 às 18h35min
    Qwerty Portal de Notícias

    No final da tarde de ontem (14), a Brigada Militar apresentou na Delegacia de Polícia Mariane Goular Rodrigues, 25 anos, e Lenon da Silva Soares, 26 anos. Os dois tiveram a prisão decretada pela 1ª Vara de Execuções Criminais da Comarca de Dom Pedrito, durante audiência no Fórum.

    Mariane e Lenon, foram condenados por um furto ocorrido em 2011. Na época, eles e mais três réus furtaram uma caminhonete IMP/FORD F1000, de cor branca, vindo à colidir o veículo contra uma árvore.

    Relembre o caso:

    No dia 13 de março de 2011, por volta das 4h, nas proximidades da Escola Bernardino Ângelo, cinco pessoas – entre elas Lenon e Mariane – furtaram uma caminhonete IMP/FORD F1000.

    Na oportunidade, os denunciados, aproveitando-se do fato de que o proprietário estava sob custódia e proteção da polícia – pois fora preso em flagrante por porte ilegal de arma de fogo – furtaram o veículo que estava em via pública. A vítima havia deixado a caminhonete na rua para que parentes a recolhessem e levassem para sua casa.

    Após furtar o veículo, os denunciados acabaram colidindo o mesmo contra uma árvore. Mesmo não assumindo a direção do veículo, Mariane e Lenon concorreram para o crime encorajando e solidarizando-se com o condutor em todos os atos da empreitada criminosa; ingressando também na cabine e na carroceria. A caminhonete, avaliada em R$ 17.000,00 (dezessete mil reais), ficou completamente destruída com a colisão.

    Pena dos denunciados:

    Ambos receberam a pena de 02 (dois) anos de reclusão, em regime aberto, e foram encaminhados ao Presídio Estadual de Dom Pedrito, onde irão permanecer à disposição da Justiça.