PRF registra redução de quase 20% de mortos no 1° semestre

    14/julho/2016 às 16h15min
     Atualizado quinta-feira, dia 14 de julho de 2016 às 16h15min

    Nos primeiros seis meses de 2016, em comparação com o mesmo período de 2015, a Polícia Rodoviária Federal registrou uma redução de 19,6% no número de mortes nas rodovias federais gaúchas. O número de acidentes reduziu quase 30%. Foram 6.500 ano passado e 4.570 este ano.

    O superintendente da PRF no Estado, Pedro Souza, considera que já está ocorrendo uma mudança de comportamento da sociedade. Para ele, a redução dos infratores por excesso de velocidade e ultrapassagem indevida contribuíram para a diminuição da gravidade dos acidentes. “A redução das mortes está diretamente ligada a motoristas educados e comprometidos com um trânsito seguro”, afirmou.

    As infrações constatadas no primeiro semestre comprovam isso. Houve redução de 15,5% nas multas por ultrapassagem, enquanto que o excesso de velocidade caiu 27,8%, considerando que houve intensificação na fiscalização.

    Esta redução ocorreu porque a PRF está trabalhando com radares de forma ostensiva, focando principalmente os pontos onde as estatísticas confirmam a maior gravidade dos acidentes. A Operação Hermes, que utiliza dois ou mais radares em sequência, foi retomada nos últimos meses e será mantida ao longo de 2016.

    Mais de 90 mil pessoas foram sensibilizadas por palestras ou ações educativas por parte da PRF em todo o Estado, inclusive em escolas em Riveira, em parceria com o governo uruguaio.

    A PRF está fazendo sua parte, intensificando a fiscalização e trabalhando com ênfase na educação do trânsito, em especial o Projeto FETRAN, que trabalha a educação para o trânsito de forma transversal, nas escolas municipais, em parceria com as prefeituras.

    O mais importante é a preservação da vida.  Para isso, todos os atores do trânsito devem contribuir para um trânsito mais seguro.