Reportagem da Qwerty flagra momento em que caixões são queimados no Cemitério Municipal

13020290_872835966160326_420266242_nGraças à ajuda de nossos leitores, nossa reportagem conseguiu flagrar o momento em que mais caixões estavam sendo queimados nos fundos do Cemitério Municipal, em um local a céu aberto e onde há muito lixo. O fato já foi divulgado por nossa reportagem em outras duas oportunidades.

De acordo com informações de alguns moradores das proximidades do local, o incêndio foi criminoso. Porém, cabe ressaltar que, se não houvesse caixões ali, o fogo talvez não fosse aceso. “Temos crianças pequenas em casa, que ficam inalando essa fumaça proveniente da queima desse material”, manifesta um vizinho.

Segundo o secretário de Obras, Marco Antônio Piriz – Totonho, aquele local foi escolhido como depósito de lixo (flores e tábuas de caixões), pois é o único lugar do cemitério que dá acesso para um caminhão. “O lixo, ou seja, as flores e as tábuas de caixões, vão para um forno especial na cidade de Santa Cruz do Sul. Na administração passada queimavam tudo num forno, mesmo sendo proibido, mas estamos cumprindo a lei e a determinação da Fepam (Fundação Estadual de Proteção Ambiental)”, diz o secretário, acrescentando que o caminhão só irá fazer o transporte do lixo quando haver uma grande quantidade.

Marco Antônio acredita que, os vândalos – ou até mesmo alguém que reside perto do cemitério – devem estar realizando essas queimadas para criar constrangimento à administração. “O que posso dizer é quero fazer as coisas certas, mas esse tipo de ato criminoso, nem eu e nem a Brigada Militar vamos impedir. Só se pegarmos em flagrante o irresponsável criminoso que vem fazendo isso”, finaliza Totonho.

 


Warning: A non-numeric value encountered in /home/qwerty/www/wp-content/themes/newspaper-original/includes/wp_booster/td_block.php on line 1009