Rio Grande do Sul

    Primeira-dama assumirá Secretaria de Justiça e Direitos Humanos no governo Sartori

    4/abril/2016 às 16h10min
     Atualizado segunda-feira, dia 4 de abril de 2016 às 16h10min

    O governador José Ivo Sartori decidiu nesta segunda-feira (4) que a Secretaria Estadual de Justiça e Direitos Humanos será comandada pela primeira-dama Maria Helena Sartori. O anúncio foi feito durante cerimônia de abertura da FenaSoja, no Palácio Piratini.

    Maria Helena, que já possui status de Secretária de Estado, vai acumular o posto de titular da Justiça após a saída de Cesar Faccioli. Ele foi exonerado do cargo nesta segunda-feira, após entendimento do STF de que integrantes do Ministério Público não podem ocupar cargos no Poder Executivo.

    Atualmente, Maria Helena Sartori já é Secretária-Extraordinária do Gabinete de Políticas Sociais, licenciada da Assembleia, e abre mão de metade do salário que cabe a um secretário de Estado.

    Remuneração

    A primeira-dama, que foi nomeada como secretária de Políticas Sociais em fevereiro do ano passado, recebe menos que todos os outros secretários. Como se divide entre as atividades de secretária e de primeira-dama, Maria Helena decidiu abrir mão de 50% do salário de R$ 18,9 mil, pagos aos demais integrantes do secretariado. O Piratini ainda não divulgou se ela seguirá com os vencimentos reduzidos.

    ClicRBS