Mulheres invadem residência, promovem quebra-quebra e agridem uma moradora

    56ee7fd8.jpg

    Às 4h30 da madrugada deste domingo (20), a Brigada Militar recebeu um chamado na rua Demétrio Xavier Barbieri, Vila Arrué, pois haviam denúncias de que duas mulheres teriam invadido uma casa e estariam agredindo uma moradora no local.

    Chegando à residência, os policiais encontraram a porta arrombada e os vidros das janelas quebrados. No interior da casa, tudo estava revirado. As autoras do crime – identificadas como Suellen e Michele – agrediram uma jovem moradora da casa e ainda tentaram agredir seus três filhos de 2, 3 e 6 anos de idade.

    Graças a uma ação rápida da guarnição da Patrulha Rural e do policiamento ostensivo, o pior não veio a ocorrer; pois as acusadas quebraram e danificaram diversos móveis da casa e ameaçaram de morte a mãe das crianças, que também foi agredida com um pedaço de cana.

    Segundo a vítima, o fato foi motivado porque a mesma guardou um instrumento usado para consumir drogas, conhecido como "marica", que pertencia ao irmão de Suellen e não achou mais.

    Após os policiais controlarem a situação, Suellen e Michele foram levadas à Delegacia de Polícia para registro de ocorrência e foram liberadas. O delegado Luís Eduardo Benites determinou que fosse registrada ocorrência pelos crimes de lesão corporal e invasão e dano consumado.

    Setor de jornalismo: portal@qwerty.com.br