Conselho Tutelar retira crianças de casa onde ocorria festa com música alta e bebida alcoólica

    20/março/2016 às 00h00min
     Atualizado domingo, dia 20 de março de 2016 às 00h00min
    56eed05b.jpg

    Na noite de sábado (20), às 21h30, o Conselho Tutelar recebeu a denúncia informando que em uma residência de uma jovem de 18 anos, localizada na rua Duque de Caxias, bairro Getúlio Vargas, estariam reunidas diversas adolescentes e alguns homens, com a finalidade de consumirem drogas e realizarem prostituição no local.

    Com o apoio da Brigada Militar, os conselheiros chegaram na casa – onde a proprietária do imóvel franqueou a entrada dos conselheiros – que se depararam com o local com música muito alta e diversas pessoas consumindo bebida alcoólica em frente às crianças; uma de 1 ano de idade e a outra, um bebê de 2 apenas meses.

    Tudo transcorria dentro da normalidade, até que as mães das crianças foram informadas que seus filhos seriam retirados da casa pelo Conselho Tutelar. A jovem proprietária da casa, que já estava com visíveis sinais de embriaguez, investiu contra a guarnição da BM e teve que ser algemada pois, segundo informações, ela teria “surtado”. A jovem foi encaminhada ao Pronto Socorro, onde foi submetida a medicação.

    Dentro do local, ainda foram apreendidas garrafas de bebida alcoólica. As crianças foram retiradas da casa e encaminhadas para residência de parentes. A polícia irá investigar o caso.

    Segundo informações dos conselheiros tutelares, na quinta-feira (17), eles também foram até a residência, onde também estava acontecendo uma festa na presença das crianças. Quando as pessoas que estavam na festa avistaram os conselheiros chegando, acabaram fugindo pelo meio do mato, levando a criança de dois meses que, segundo os conselheiros, ainda ficou com a cabeça machucada após cruzar uma cerca.

    Setor de jornalismo: portal@qwerty.com.br