Grupo tenta invadir festa de 15 anos, não consegue e realiza disparo de arma de fogo em frente ao local

    20/fevereiro/2016 às 00h00min
     Atualizado sábado, dia 20 de fevereiro de 2016 às 00h00min
    56c8a352.jpg

    Mais uma vez, indivíduos de uma conhecida gangue tentaram entrar em uma festa de 15 anos, na rua Torquato Severo. O fato aconteceu por volta das 2h da madrugada deste sábado (20).

    Ao serem barrados na porta, um deles – identificado como Bruno, 20 anos – efetuou um disparo de arma de fogo em frente a festa e, logo depois, tentou se desfazer da arma, escondendo a mesma ao lado de uma árvore, no pátio de uma residência.

    A Brigada Militar foi acionada e flagrou Bruno pulando o muro, onde teria escondido a arma. Os PMs foram até o local e encontraram um revólver calibre 22. O indivíduo foi conduzido à Delegacia de Polícia para registro de ocorrência e responderá judicialmente por porte ilegal de arma de fogo. Bruno tem passagens por tentativa de homicídio, lesão corporal e violência doméstica.

    Uma testemunha contou que teve que buscar seu filho mais cedo, devido à confusão, que fez com que a festa acabasse mais cedo também. Ela ainda lamentou que, hoje em dia, infelizmente, não há mais segurança nem em festas particulares.

    “Está acontecendo uma inversão de valores: o cidadão de bem tem que ficar preso em casa e os bandidos estão aí, soltos na rua”, manifestou a testemunha.

    Outra pessoa que presenciou a abordagem dos policiais, nos enviou uma foto da movimentação em frente ao local. 

    Setor de jornalismo: portal@qwerty.com.br