Dom Pedrito – Convênio vai adquirir aparelho para cirurgia não invasiva de cálculo renal

    7/maio/2015 às 00h00min
     Atualizado quinta-feira, dia 7 de maio de 2015 às 00h00min
    554b7d81.jpg

    Estiveram visitando o Legislativo, segunda-feira (4), o administrador do Hospital Universitário de Bagé, Paulo Zandomeneghi e o jornalista e membro do Conselho Fiscal do mesmo, Edgar Muza, com a finalidade de exporem aos vereadores pedritenses à iniciativa de adquirir, para o Hospital Universitário, um aparelho destinado ao procedimento da “Litotripsía Extracorpórea”, ou seja, a fragmentação das pedras de cálculo renal sem a necessidade de cirurgia invasiva e uma cama cirúrgica radiotransparente. A idéia é mobilizar os seis municípios da 7ª Região de Saúde para conseguir os R$ 500.000 necessários a compra do equipamento. Bagé já colocou a disposição a quantia de R$ 200.000 e Aceguá R$ 50.000, restando, portanto, R$ 250.000 para o complemento do custo total. O Hospital Universitário, referência na região, por ser credenciado pelo SUS atenderá os procedimentos na proporção de 70% pelo Sistema Único e 30% por convênios. 

    Os recursos da parte de Dom Pedrito, como sugerido, sairiam da eventual sobra anual da Câmara de Vereadores, com a concordância do Executivo. Segundo o prefeito Lídio Bastos, presente na reunião, Dom Pedrito deverá participar do convênio, embora não tenha definido o valor a ser investido. Os vereadores demonstraram simpatia ao projeto, como bem sintetizou o presidente da Instituição Alberto Rodrigues (PDT), “este é um serviço para a coletividade e o Legislativo trabalha para a coletividade”. Muza, ao finalizar observou que “além da economia para o município existe o lado humano, pois uma coisa é deslocar um paciente por 500 km e outra é percorrer os 60 km até a vizinha cidade”.

    Fonte: Câmara de Vereadores
    Setor de jornalismo: portal@qwerty.com.br